segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

UM SORRISO PARA CADA NOVO DIA
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Desejo para ti a cada novo dia,

A presença de um sorriso solto

A enfeitar a tua face,

Para que todos que passem por tua vida,

Possam contemplá-lo,

E entenderem como é maravilhoso ser feliz.






_________________________________________________






A INSPIRAÇÃO DO TEXTO




Diante da vida, um ano novo é muito tempo.

O mês que vem é muito tempo.

O amanhã é muito tempo.

Assim, desejo a quem passa por minha vida,

a alegria plena do instante presente,

e que esta alegria permaneça viva,

enquanto a chama do fogo da vida que nos habita,

continuar a erguer suas labaredas em nossa existência.





FELIZ INSTANTE DE VIDA PARA TI,

querido amigo e querida amiga,

que enche de sentidos as minhas palavras,

e de alegrias o meu CORAÇÃO DE PROFESSOR.










sexta-feira, 16 de dezembro de 2011


O NATAL VERDADEIRO
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.


Silêncio!

O Natal está chegando.

Já podemos ouvir os sons que chegam das ruas.

Já podemos ver as árvores enfeitadas de luzes.

Na televisão muitas propagandas falam do Natal.

Crianças correm e pedem presentes.

As lojas se enchem de pessoas que correm de um lado ao outro

Cheias de pacotes.

Comemoram-se as compras, as vendas, o consumo.


Mas o verdadeiro Natal não é esse.

O verdadeiro Natal chega silencioso a cada vida,

E toma conta de cada coração

Que não tenha perdido a doçura de sentir.

Este natal chega de graça,

E também cheio de graça,

Trazido pelo brilho suave da mais bela das luzes,

A luz da fé.


Por isso neste Natal

Mais que presentes é preciso distribuir amor.

É preciso abraçar nossos amigos.

Dividir a nossa mesa com aqueles que têm fome.

É preciso amar nossas famílias.

Caminhar com os nossos filhos.

Reaprender a doçura de sentir.

Sentir como é bom estar vivo.

Sentir como é bom ter um lar.

Sentir a grandeza do amor de Deus

Por meio do presente maior que poderia nos ser dado:

Seu filho Jesus.


E cada um que celebre esta noite.

Cada homem, cada mulher,

Que entenda que o Natal não é consumo, é doação.

Que entenda que o Natal não é uma data, é celebração.

Que sinta o coração encher-se de esperança.

Tem a obrigação de ensinar a cada dia,

O valor da fé, da amizade, da solidariedade,

E celebrar o verdadeiro nascimento de Jesus,

Que nasceu para que o mundo fosse melhor.

Que nasceu para que o mundo fosse amor.





_______________________________________________________







A INSPIRAÇÃO DO TEXTO






Quando escrevi este texto, era véspera de Natal.

Imaginei que pudesse dividí-lo com minha família e amigos,

para celebrarmos uma noite verdadeira,

onde amizade, agradecimento e esperança,

pudessem ser vividos em sua plenitude.





Que o maior presente que possamos dar a alguém neste Natal

não possa ser comprado em nenhuma loja,

mas  seja o olhar de amor que nos habita,

capaz de justificar , inspirar e dar sentido a vida.









sexta-feira, 25 de novembro de 2011


SOBRE ESCOLAS E PROFESSORES

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Não há escola tão grande,

Que não possa ser guardada em um coração de professor.

Não há professor tão sábio,

Que não possa aprender em uma escola de sentimentos.

Porque para um professor,

A escola é o que dá sentido a vida,

E para uma escola,

O professor é o alimento de sua existência,

E para cada um,

Professor e escola,

O construir um ao outro

É a razão e o sentido,

Que faz o ensinar e o aprender valer à pena.






______________________________________________________







A INSPIRAÇÃO DO TEXTO







Creio que ensinar é a arte de fazer eterno


o que aparentemente seria passageiro.

Assim, escolas e professores

unem-se como feixes de trigo,

como corpos e espíritos,

como borboletas e flores,

para construírem a esperança,

a alegria, a paz, a fé e o amor

com suas vidas.











sexta-feira, 4 de novembro de 2011


SOBRE O NASCER DA ALEGRIA
Texto de Aluísio Cavalcante jr.



Quando a vontade

De semear esperanças,

Encontra-se com a certeza

De um mundo melhor,

A vida engravida de ternura,

E de sua mais perfeita alegria,

 Faz nascer um professor.





_________________________________________________________






A INSPIRAÇÃO DO TEXTO






Há no olhar de quem ensina

um código secreto de esperança.

Código decifrado facilmente

pelos infinitos sorrisos

que crescem ao redor das lições

maravilhosamente semeadas por suas vidas.







sexta-feira, 14 de outubro de 2011


CORAÇÃO DE PROFESSOR
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Coração de professor,

É adulto e é criança.

É praça no meio da rua,

Onde caminha a esperança.



É campo repleto de flores.

É perfume e inspiração.

É berço de sonhos possíveis.

É voz, melodia e canção



Coração de professor,

É espaço de amizade.

É céu azul de verão,

Onde voa a liberdade.



É terra grávida de amor,

Que faz brotar a semente,

Que torna a vida mais vida,

Que torna a gente mais gente.







___________________________________________________







A INSPIRAÇÃO DO TEXTO




Aprendi com o tempo que o melhor de um


professor é o seu coração.


Coração que se alegra com o brilho do olhar


de um aluno que adquire um novo conhecimento.


Coração que se alegra com a sua capacidade


de inspirar afeto, justiça, honestidade e esperança.


Nestes dias em que comemoramos o dia dos professores,


imagino que este poema simples


possa ser lido nas salas de aula


por vozes de esperança.


É o meu maior presente para professores e professoras,


que fazem com as suas vidas este País melhor.




É também dedicado ao grande mestre Rubem Alves,


referência maior de uma educação que transforma o mundo.










sexta-feira, 16 de setembro de 2011


UM OUTRO OLHAR

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Ele amava.

Entregava-se ao amor como se fosse onda abraçando o mar.

Falava de amor como quem respirava,

E a medida que amava também inspirava o amor.

Para ele amar justificava a vida.

Não o amar pelo amar,

Mas o amar que libertava,

E fazia com que os que passassem pela sua vida

Tornassem-se maiores e melhores.




Para os que não o entendiam,

Ele era paciente na explicação do amor.

Gostava de explicá-lo.

Não de modo mecânico ou conceitual,

Mas por meio de poemas, frases, sorrisos,

Abraços, olhares, gestos e exemplos.

E no final de cada explicação, repetia a mesma certeza:



AMAR EXIGE DISCIPLINA.

DISCIPLINA É UM MODO DE AMAR.



Para os que ainda não o entendiam, ele continuava:

Disciplina é a entrega que se faz a um objetivo.

Entregar-se a este objetivo,

É fazer-se pássaro que abre as asas e se entrega aos céus,

E  a medida que encontra os ventos,

Disciplina-os sobre as suas asas para alcançar os seus objetivos.




Falar de disciplina exige que se explique a sua importância.

Não exigi-la de modo sem sentido,

Mas explicá-la de modo que todos que passem por ela,

Façam de si e dos que passam pela sua vida,

Pessoas maiores e melhores.

É ensinar e ao mesmo tempo inspirar.

É corrigir e ao mesmo tempo ser paciente

Com os que não a compreendem de imediato.

É acreditar e ao final do dia

repetir a mesma certeza:



AMAR EXIGE DISCIPLINA.

DISCIPLINA É UM MODO DE AMAR. 







__________________________________________________________








A INSPIRAÇÃO DO TEXTO
  




Acredito que possamos educar

as nossas crianças e os nosssos jovens com a encanto do carinho.

Ensinar lições que tenham sentido.

Cuidar para inspirar.

Penso que a disciplina só pode surgir a partir do afeto.

Afeto que faz a vida valer a pena,

e que inspira o nascer de muitos sonhos.









sexta-feira, 26 de agosto de 2011

PROFESSORES NUNCA MORREM
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.


Quando o sopro de vida que há em mim
For viver em outros planos,
Quando a minha presença se transformar em lembranças,
Quero que as cinzas do meu coração
Sejam derramadas em uma escola.



Se possível, quero que estejam presentes neste momento,
Os meus amigos, que muito me ensinaram sobre a força dos sonhos.
Os meus alunos, que souberam me mostrar que esperanças nunca morrem.
A minha família, onde aprendi as melhores lições sobre o amor.



Se possível, será uma tarde serena.
Alguém trará um violino e tocará a minha música preferida:
“Em algum lugar do passado”.
Talvez alguns poemas que escrevi possam ser lidos
(Sem tristeza, mas inundados de verdades),
E ao som de risos, serão contadas histórias que falem
Do amor que sonhei e que nunca deixei de acreditar.



Imagino que possam haver lágrimas.
Caso elas caiam dos olhos dos que me amaram,
Que sejam apenas suficientes para molhar a terra
Onde o meu coração foi semeado,
E de onde brotarão as sementes dos sonhos
Que crescerão e darão frutos em outras vidas.
Não serão colhidas flores para enfeitá-lo,
Pois as flores deverão permanecer nos jardins
Para alimentar de vida os passarinhos.



E ao final da tarde, quando as pessoas se despedirem
E forem para suas casas,
Levarão em suas lembranças a certeza:
Professores são eternos.
Representam a união de muitos sonhadores do passado,
E também a inspiração de muitos sonhadores do futuro.
E viverão para sempre em cada sonho que fizeram crescer.



Quando o sopro de vida que há em mim
For viver em outros planos,
Quando a minha presença se transformar em lembranças,
Quero que as cinzas do meu coração
Sejam derramadas em uma escola.
E que no lugar onde meu coração for semeado,
Brotem sementes de infinitos sonhos
Que crescerão e darão frutos em outras vidas.




________________________________________________________





A INSPIRAÇÃO DO TEXTO




Há em cada aula que leciono,
um compromisso com a vida, com a esperança,
com a construção de um mundo melhor.
Assim quero ser lembrado.
Compromisso de alguém que sonhou e teve a pretensão
de inspirar sonhos.








sexta-feira, 5 de agosto de 2011


NOVO CONVITE



AMIGOS E AMIGAS



Gostaria de convidá-los

a ler a entrevista que fiz

para o blog PATCHWORK,

de minha amiga Sônia Silvino.


O link para esta entrevista é:


Sônia Silvino é uma jardineira de esperanças.

A cada dia espalha sementes de vida

nos muitos corações que a conhecem,

por meio de seus preciosos blogs,

partes preciosas de sua vida.


Obrigado de coração querida amiga

por este maravilhoso presente.

Você faz parte daquele grupo de pessoas

que sabe a real diferença

entre viver e existir.








sexta-feira, 29 de julho de 2011


UMA CERTEZA
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.


Para muitos,
O retorno das férias
É um recomeço.


Mas para quem ensina,
O retorno das férias
É um reencontro.












A INSPIRAÇÃO DO TEXTO.



Ensinar é andar de braços dados com a vida.

Vidas nunca começam e nunca terminam.

Vidas sempre continuam.










sexta-feira, 15 de julho de 2011

FÉRIAS
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Para mim, o tempo de férias é mais que um tempo de descanso.

É também um tempo de diminuir o ritmo dos passos,

Para que o espírito da vida esquecido na agitação diária,

Possa me acompanhar novamente,

E mais uma vez, preencher-me de sentidos.



É um tempo de estar com quem amo,

Para colorir a minha vida com as mais intensas e perfeitas cores,

Que só o amor de quem me ama de verdade é capaz de colorir.

Tempo de olhar para o que estou fazendo de mim,

E corrigir os caminhos que me tiram de mim,

Enquanto ainda existe tempo.



É um tempo de contemplação e entrega,

Aos melhores sentimentos que me acompanham,

As esperanças que me alimentam,

Aos carinhos que me envolvem,

E aos perfumes que abraçam meu existir.



É um tempo de ser, de aprender e reaprender

A plenitude do ser feliz,

E assim, de braços dados com a alegria,

Tornar a minha vida digna de todos os desejos

Que habitam meu coração e me fazem gente,

No mais completo sentido de ser gente.






______________________________________________________







A INSPIRAÇÃO DO TEXTO







Para mim,

o período de férias é um tempo

de reencontro

com o melhor de mim...









sexta-feira, 1 de julho de 2011

CONVITE



 
Meus queridos amigos e minhas queridas amigas.

Gostaria de convidá-los a conhecer o meu mais novo blog

Nele  frases e pensamentos,

nascidos de momentos simples

e nos valores preciosos que acredito,

serão partilhados semanalmente com cada um de vocês,

que generosamente trazem o encanto da amizade

aos meus blogs


e com a ternura de seus olhares,

dão sentido e inundam de vida as minhas palavras.



Aluísio Cavalcante Jr.






sexta-feira, 17 de junho de 2011


APRENDI
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Por muito tempo pensei que bons professores

Eram aqueles capazes de ensinar muitas lições.

Hoje sei que bons professores

São aqueles que além da capacidade de ensinar,

São também capazes de inspirar novas lições.

Que são capazes de fazer da simplicidade do sorriso,

A matéria prima de uma educação que faz sentido.

Que são capazes de transformar o mundo com a força do bem,

Da alegria e da amizade.

Hoje sei que bons professores são aqueles

Que embora saibam a importância

De se ensinar a colher os frutos do futuro,

Dedicam suas vidas a cultivar sementes no presente.

Que sabedores da sua força de educadores,

Semeiam, inspiram e colhem sonhos coletivos de esperança

Nas salas de aula de cada Escola,

Cultivando jardins de afeto pleno

Onde brotam sonhos de um novo mundo,

Nos corações dos muitos alunos

Que a vida lhes deu para cuidar.





__________________________________________________________







A INSPIRAÇÃO DO TEXTO





O coração de um professor é um templo

onde a vida é celebrada em oração.

Quem escolhe ser professor,

escolhe também ser jardineiro da esperança.

Esperança que cresce forte

nos ensinamentos que fazem sentido,

e que tornam o mundo mais solidário,

mais justo e mais amigo.








sexta-feira, 27 de maio de 2011


SE ME RESTASSE MAIS UMA AULA
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.


Como seria esta aula?

Eu aprenderia antes de iniciá-la,

O nome de cada aluno.

Observaria o brilho de cada olhar

E o encanto de cada sorriso.

Então a última lição ensinada

Seria cuidadosamente planejada,

Para não apagar de cada aluno

Seu brilho e encanto.




Esta aula falaria de solidariedade, de amizade e respeito.

Falaria de coisas simples e úteis para a vida.

Falaria da responsabilidade de dedicar a lição aprendida,

Para a construção de um mundo de amor, de paz e esperança.




Não se perderia tempo com ensinamentos inúteis.

Com competição e egoísmo.

E ao final dela nos abraçaríamos e sorriríamos.

E escreveríamos poemas sobre o presente.

E iríamos para as ruas

Falar de solidariedade.

E correríamos para as nossas casas

Para abraçar nossas famílias e amigos.




Mas não é preciso esperar a última aula.

Nem tão pouco buscar a justificativa do impossível.

Pois das dificuldades do presente,

Nasce o professor que transforma o mundo.





_______________________________________________





A INSPIRAÇÃO DO TEXTO





A vida é tão curta e sei que ainda há muito por fazer.

Então imagino cada aula como uma celebração.

Celebração ao amor...

Celebração a amizade...

Celebração a vida...






sexta-feira, 13 de maio de 2011

CUIDAR
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Os olhos de quem cuida são diferentes.

Tem as cores da esperança.

Esperança que transforma o mundo,

E faz brotar as sementes do amor.


Os olhos de quem cuida são diferentes.

Tem o dom de acalmar o coração.

De tornar a vida plena.

De ser luz para o caminho do afeto.


Cuidar é escrever o amor de um modo inteiro.

Amor à vida.

Amor ao planeta.

Amor que eleva

E que devolve à humanidade a sua essência.

Amor que transforma,

E constrói um novo mundo

Para as gerações que virão.


Cuidar é sinônimo de amar.





________________________________________________






A INSPIRAÇÃO DO TEXTO






Penso que nos dias de hoje,

a maior lição que um professor pode transmitir

aos seus alunos é o afeto.

Afeto que inspira o sorriso,

e nos faz entender o milagre da vida.

Afeto que inspira o desejo de cuidar,

e de fazer a nossa humanidade tornar-se plena.








sexta-feira, 29 de abril de 2011

E POR FALAR EM ESTRELAS...
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



O poeta olhava as estrelas...

Sempre quisera fazer um poema que falasse em estrelas,

Mas nunca havia conseguido entendê-las o suficiente

Para escrever sobre elas.

Lembrara que também quisera fazer um poema

Que falasse sobre mães,

Mas também nunca havia conseguido entendê-las o suficiente

Para escrever sobre elas.



Um dia enquanto olhava as estrelas, passou a lembrar de sua mãe.

Lembrara de quando era criança

E de quantas vezes quando estava sozinho.

Bastava um leve choro,

Para que sua mãe viesse de braços abertos confortá-lo.

Para ele mãe significava SEGURANÇA.



Mas cresceu e veio a escola.

Primeiras letras, desenhos e histórias.

O retorno para casa era o momento do encontro.

Para ele mãe significava ALEGRIA.



Cresceu ainda mais e virou adolescente.

Vieram os problemas e novos sentimentos.

Na confusão das novas emoções

Mãe para ele agora significava PAZ.



Casou-se e vieram os seus filhos.

Insegurança, dúvidas e como criá-los.

Nestes momentos sua mãe chegava com conselhos

E as respostas sempre prontas.

Mãe para ele significava SABEDORIA.



E quando sua mãe completou a viagem nesta vida,

Ficaram tantas lembranças, tantas histórias...

Que mesmo distante dela não se sentiu vazio.

Mãe para ele significava SAUDADE.



O poeta olhava as estrelas...

O poeta lembrava-se de sua mãe...

E de súbito entendeu que as estrelas

Nada mais são que o brilho das mães,

Que mesmo não estando mais em sua viagem pela terra,

Continuam a iluminar e acompanhar os seus filhos sempre.

Compreendeu que MÃE foi a melhor forma que DEUS encontrou

Para explicar da maneira mais perfeita,

O significado pleno da palavra,

AMOR.



_________________________________________________________




A INSPIRAÇÃO DO TEXTO




Escrevi este texto para minha mãe há alguns anos.

Sempre que falo de minha mãe,

lembro imediatamente da sua ternura,

da sua fé inabalável,

da sua humanidade especial.

Sem ela eu não seria o que hoje sou.

Nos braços dela aprendi o sentido do que era doação,

força de vontade e esperança.

Aprendi o sentido do que era justiça,

esperança e família.


Hoje sei que sem você minha MÃE,

eu não entenderia o significado da palavra AMOR.




Dedicado a Neci Cavalcante







sexta-feira, 15 de abril de 2011


QUANDO A VIDA NOS INUNDA DE ALEGRIA
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



O Mestre estava ali.

Olhava-os com olhos de ternura,

Para guardar em seu coração

Um pouco daquelas vidas.


Havia, naqueles jovens, sorrisos plenos,

Alegria de juventude inundada de esperanças.

Havia também lágrimas intensas,

Compromisso de jovens

Que sabiam o valor do afeto,

Do carinho e do amor à vida.

Vida em seu sentido mais verdadeiro.


O Mestre estava ali.

Tinha vontade de abraçá-los,

Pois sua vida se misturara com a deles,

Como uma noite que se misturava com as estrelas,

Sabendo que o poder dessa união,

Inspiraria os que acreditavam na força poderosa do bem,

A multiplicar esta força em seus corações,

Para dividí-la com o mundo.


E agora que a despedida estava próxima,

O Mestre sabia que talvez nunca mais os visse.

Mas sabia também,

Que sempre que cada um daqueles jovens

Estivesse do lado do bem, do justo,

Do que faz o outro melhor,

Ele os encontraria novamente,

E sorriria ao lado daquelas vidas,

Tão repletas de sentimentos verdadeiros.


O Mestre estava ali.

Olhava-os com olhos de ternura,

Para guardar em seu coração

Um pouco daquelas vidas...





__________________________________________________________





A INSPIRAÇÃO DO TEXTO






Neste mês de Março, tive a alegria de ser convidado

por uma grande amiga, Irmã Marceli,

para uma palestra em Garanhuns – Recife,

com alunos do 3º Ano do Ensino Médio, do COLÉGIO SANTA SOFIA.

Além de ser minha primeira palestra fora de Fortaleza,

a alegria que colhi nesta viagem,

conversando com alunos, pais e companheiros de Educação,

sobre a vida, a esperança, o afeto,

ficará para sempre guardada em meu coração.

Obrigado a todos que fazem o COLÉGIO SANTA SOFIA

por este maravilhoso presente,

e pelas maravilhosas lições que são semeadas a cada dia,

por todos os que fazem esta preciosa Escola.


Este poema é dedicado aos alunos e alunas

do COLÉGIO SANTA SOFIA,

participantes do MÁSCARA 2011,

e que farão certamente,

muita diferença no mundo,

semeando amor e esperança

nos muitos corações que passarão por suas vidas.









terça-feira, 8 de março de 2011


O JOVEM E O GÊNIO
Texto de Aluisio Cavalcante Jr.



Há muitos anos atrás,

Um jovem de uma pequena cidade perdida no tempo,

Encontrou uma lâmpada maravilhosa.

Esfregou-a, aparecendo em seguida,

Envolto em fumaça,

Um gênio encantado,

Que com uma voz suave e forte disse:


“- Pede o que quiseres meu jovem.

Basta um pedido teu,

Para que eu coloque em tuas mãos,

O maior dos tesouros, entre todos os tesouros,

A maior das belezas, entre todas as belezas,

O maior dos sonhos, entre todos os sonhos...”


O jovem que a tudo escutara pacientemente,

Vendo o gênio silenciar, respondeu:


“- Bondoso gênio.

O maior dos tesouros,

A maior das belezas,

O maior dos sonhos,

Não poderás jamais dá-los a mim,

Pois eles voam nas asas de um pássaro

Que escolhe em quais céus deve voar.


Não podem pertencer a um homem,

Pois voam pelo mundo

Dando valor às esperanças,

Semeando a beleza das revoluções,

Gerando os sonhos de liberdade...”


“- E que pássaro é este que não posso dar-te, meu jovem?”

Perguntou o gênio.


“- Ainda não descobristes?”

Respondeu o jovem sorrindo.


“- Chama-se MULHER!”





____________________________________________






A HISTÓRIA DO TEXTO





Este texto nasceu de uma homenagem ao dia da mulher.

Mulheres merecem afeto todos os dias,

não como seres perfeitos,


mas como companheiras de viagem nesta vida.

Acredito que se o mundo fosse mais feminino,

certamente seria mais calmo.

Mulheres tem o dom de transformar o aparentemente simples

no eternamente encantador.









sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011


SONHOS QUE DESEJO PARA TI
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Olho para ti com olhos de esperança,

E te desejo duas certezas que trago comigo.

A primeira:

Que nunca descuides dos teus sonhos individuais.

Com eles construirás uma família.

Aprenderás a estudar para ser feliz e não apenas ganhar dinheiro.

Cuidarás da essência de ser feliz.


A segunda:

Que nunca descuides dos teus sonhos coletivos:

Com eles construirás um País.

Aprenderás a estudar para fazer feliz e não apenas gerar riquezas.

Cuidarás da essência do fazer solidário.


Hoje sei que não podemos ser felizes com apenas um dos sonhos.

Sonhos servem para inspirar sonhos.

Para inspirar vidas.

Para justificar os sentimentos que nos tornam humanos.

Sem a união destes dois sonhos,

Tudo fica sem sentido.

E a vida perde o brilho de ser vida.






__________________________________________________________





A INSPIRAÇÃO DO TEXTO





Existem alunos que passam por nossas vidas e nos transformam,

nos ensinam e nos fazem melhores.

A cada ano recebo de presente alunos assim.

Alunos que trazem em seus olhos sonhos de um mundo melhor.

Para vocês, escrevi este texto.

Agradeço a vida ter tido a alegria de compartilhar

minha vida com vocês.

De ter recebido tanto afeto, e também tantas lições.

Tenho certeza que vocês seguirão pelo mundo

sem abrir mão dos sonhos que justificam nossa humanidade,

e perfumam a vida com as flores da esperança.










domingo, 23 de janeiro de 2011


PRECE
Texto de Aluísio Cavalcante Jr.


Sempre que entro em uma sala de aula,

Peço que a sabedoria dos Mestres da Vida

Me acompanhe,

Para que as lições que serão ensinadas por mim,

Encontrem nos olhos de quem me espera,

O brilho precioso da alegria.

Esta é a minha prece diária

Que me inspira e guia em cada aula.

Que me faz buscar no ensinar e no aprender

As cores da esperança,

E a chama de uma Educação que faz sentido.




___________________________________________




A INSPIRAÇÃO DO TEXTO




Penso que ensinar é antes de tudo um ato de fé.

Fé nos sonhos.

Fé na esperança.

Fé na imensa capacidade

de imaginar e construir um mundo novo.









segunda-feira, 10 de janeiro de 2011


PLANEJAR
Texto de Aluisio Cavalcante Jr.


Início de ano.

Tempo em que as Escolas começam a planejar.

Tempo de encontros.

Tempo de debates.

Tempo de sorrisos.

Há quem acredite que o bom planejar

Esteja apenas nos livros

Ou se resuma a elaboração de planos didáticos.

Embora importantes,

O melhor de um planejamento

Não está nos livros

E tão pouco nos planos didáticos.

O melhor de um planejamento está

Na capacidade de sonhar

E de inspirar sonhos.

Quem planeja aulas com as cores dos sonhos,

Faz parte daquele grupo de Educadores e Educadoras,

Que tem o dom de ser fazer eternos nas lembranças,

Daqueles que a vida lhes deu para cuidar.

Este é o verdadeiro objetivo de um planejamento

E a essência de uma Educação que faz sentido.




__________________________________________________________






A INSPIRAÇÃO DO TEXTO






Acredito que o maior compromisso de quem vive a Educação,

seja o de inspirar sonhos.

Quem aprende a sonhar

transforma o seu mundo,

e ao lado de outros,

constrói o tempo de amizade que acreditamos ver um dia,

em sua mais perfeita plenitude.